quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Coisas de poeta (Samuel e eu)

Ivone - uma coisa se liga à outra... em volta do sol há pontos de encontro

Samuel - Como se fosse raios de luz interligados pelas pontas das sombras das árvores, embaixo...

Ivone - ouve! não é um solo! é uma orquestra inteira! as folhas dançam...as letras se misturam....a noite permite que se perca o senso...rs

Samuel - A noite sempre permite... Ela tem uma naturalidade em permitir o frio, o escuro, o sons... uma orquestra!

Ivone - e ela mesma é tão quieta...